Este website utiliza cookies para monitorizar os utilizadores e melhorar o respetivo conteúdo. Ao continuar a navegar neste website, concorda com a utilização de tais cookies. Clique aqui para obter mais informações sobre cookies e para definir as suas preferências.

Continuar
Integridade na gestão da informação da empresa

Para proteger e preservar a nossa competitividade, imagem e reputação

Prevenir o abuso de informação privilegiada
Prevenir o abuso de informação privilegiada
É proibido alienar ações da Sanofi ou das suas subsidiárias com base em informações não públicas que possam afetar significativamente o valor de mercado dessas ações.
Prevenir o abuso de informação privilegiada

O abuso de informação privilegiada ocorre quando uma pessoa aliena os títulos da empresa com base em informações não públicas sobre a mesma. Os exemplos mais comuns de abuso de informação privilegiada são a venda de ações antes de serem divulgadas notícias negativas que provocam a queda do preço dessas ações, ou a compra de ações antes de serem divulgadas notícias positivas que fazem subir o preço das mesmas.

A Sanofi considera que um indivíduo dispõe de informações privilegiadas sempre que o mesmo for detentor de informações confidenciais e sensíveis a preços, relacionadas com a Sanofi, as suas afiliadas e os seus parceiros. Consequentemente, este indivíduo deve abster-se de alienar ações da empresa relevante, de vender ações de desempenho ou de exercer opções de compra ou de venda.

O abuso de informação privilegiada pode ocorrer quando são compradas ou vendidas ações antes da divulgação de notícias que poderiam ter um impacto positivo ou negativo no preço de mercado de ações da Sanofi ou de um potencial ou atual parceiro, e a compra ou venda dessas ações é feita com base em informação privilegiada relacionada, nomeadamente, com:

  • resultados financeiros
  • propostas de aquisições ou alienações
  • resultados de ensaios clínicos importantes
  • emissão da autorização de introdução no mercado de um novo produto
  • obtenção ou perda de um contrato importante
  • litígios em curso.

As regras sobre o abuso de informação privilegiada aplicam-se não apenas às ações da Sanofi como também às ações de qualquer terceiro com o qual a empresa mantém uma relação.